Mundo

Ultradireita avança, mas centro mantém liderança no Parlamento Europeu

10/06/2024


                                   Foto: Piroschka van de Wouw/Reuters

 

O bloco de centro, formado por centro-direita, centro-esquerda e liberais, deverá manter a maior quantidade de assentos do Parlamento Europeu, segundo as projeções divulgadas pela própria Casa. Os números indicam que os grupos de ultradireita devem conquistar mais espaço, mas sem desbancar a atual maioria.

De acordo com a última projeção divulgada, o Partido Popular Europeu (EPP, na sigla em inglês), de centro-direita, deverá conquistar 189 cadeiras, nove a mais que em 2019, e permanecerá como o maior grupo do Legislativo.

O segundo maior vencedor devem ser os socialistas (S&D), de centro-esquerda, que poderão obter 135 assentos, em queda de 19 vagas em relação a cinco anos atrás. Em terceiro, ficam os liberais do Renew, que perderam 25 cadeiras em cinco anos e devem ficar com 83 assentos.

 

Folha de S. Paulo

Essa publicação é um oferecimento

DROGARIA POUPE JÁ