Policial

“Meteu a mão na minha cara”, diz médica grávida agredida por paciente

28/03/2024


 

Em pleno serviço, uma médica gestante foi agredida por uma paciente na rede pública de saúde do Distrito Federal, nesta quarta-feira (27/3). A mulher bateu na profissional de saúde dentro do consultório. O caso foi registrado na Polícia Civil (PCDF).

“Entrou batendo a porta do consultório, pegou a cadeira, colocou na minha frente. Eu disse, ‘senhora, tem de manter distância pelo protocolo de Covid. Ela veio, meteu a mão na minha cara e gritei por socorro”, desabafou a médica, em conversa com o Sindicato dos Médicos (SindMédico-DF).

O sindicato decidiu preservar a identidade da médica. A profissional grávida passou por exame no Instituto Médico Legal (IML). A equipe da unidade de saúde precisou intervir para acabar com as agressões. A médica ficou muito abalada com o ataque e está de repouso em casa.

Essa publicação é um oferecimento

DROGARIA POUPE JÁ